Google
 

terça-feira, 9 de outubro de 2007

Paris, Paris, Paris...


Paris, a cidade luz!
Não pensei que fosse voltar tão rápido a essa cidade, afinal de contas fazem apenas dois meses que estive aqui.
Bem, já que estou aqui e como só tem vôo para Londres amanhã a noite, o jeito é eu ir para o Hôtel De Suez na 31 Boulevard Saint-Michel. É um hotel maravilhoso, às margens do Sena, diária barata, 782 USD, e muito confortável. Vou aproveitar que estou aqui e ligar para a Ana Paula, minha amiguinha goiana.
- Bonjour mon ami Nenen Rebelde, como vai?
- Garota Linda!!! Que surpresa! Aonde você está?
- Estou no Hôtel De Suez kérida, peguei o avião errado e vim parar em Paris novamente. Pode me fazer companhia até amanhã?
- Claro que posso kérida, já estou indo para o hotel.
- Merci.
- Ai Garota, esse seu palavreado do sul da França me mata!!! Fale Débitrice, é mais formal e combina muito mais com você!
Adoro sair com Aninha, companhia agradável e inteligente.
Como não poderia deixar de ser fomos dar uma volta pela cidade e aproveitamos para tirar umas fotos, olhem algumas fotinhas que tiramos aqui: http://www.orkut.com/Album.aspx?uid=7991681987747104873 , amo essa cidade linda!
Ir a Paris e não ir ao Le Pré Verre na 19 rue du Sommerard, na esquina da "rue Thénard", é o mesmo que ir a Brasília e não comer os famosos pastéis da rodoviária, C'est Unique.
Pois bem fomos. Tomamos um ótimo vinho ouvindo Edith Piaf e colocamos as fofocas em dia.
Contei para Aninha tudo que estava acontecendo, ela ouvia atentamente e chegou à mesma conclusão que eu: Tudo isso era culpa do olho gordo da gorda Alzira!
Não era possível que tudo que aconteceu tenha sido acaso do destino, a Dona Suzana, o bode defeituoso, o sumiço de Jorge, a viagem de Edward, o piloto do avião ter pego o caminho errado...
Mas fazer o quê, né? Já que estava aqui eu tinha era que aproveitar.
Marcamos de ir ao Moulin Rouge à noite. Como pode um bordel ser conhecido mundialmente? Somente em Párri mesmo, Kérida!

(Antes de entrar no Moulin Rouge eu sugiro a você leitor que aperte a tecla sap do seu computador para ver as legendas).

- Bonne nuit Mme, soit bien venue
(Boa noite senhora, seja bem vinda)
- Débitrice, aujourd'hui je veux remplir la rabon de bebidinhas.
(Obrigada, hoje eu quero encher a raba de bebidinhas)
Sentamos eu e Aninha, assistimos ao show tomando um belo Dom Pérignon Vintage safra 1996. Eu estava precisando mesmo disso, minha última semana foi muito cansativa, dois homens, um atrás do outro e depois nenhum! Agora eu só queria era beber, beber até cair.
- Serveur, serveur… s'il vous plaît je veux…
(Garçon, garçon... por favor eu quero...)
- Creeeeeedaaaaaa... Xórrrrrrgiiiii???
(Credon Xorrrrgê)
- O que você está fazendo aqui? Céus...Esse blog está ficando pior que “América” a novela da Glória Perez....


(Continua...)

4 comentários:

Ru Correa disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Amiga... Tua vida é uma novela, já vi tudo! Como você pôde encontrar Jorge em Paris?
Não, isso é coisa de novela mesmo! Só pode!
Mas acho que não é "América" não... Acho que é "O Clone"... kkkkkkkkkkkkkk
Seria esse Jorge um clone? Irmão gêmeo? Ai caraca! Conta logo!
Tô curiosaaaaaaaaaa!!

Beeeeeeeeeijos!!

Lidia disse...

Que romântico, hein?!?!?!?!
Jorge e Garoa em Paris!!!!
Será que os céus estão conspirando para esse amor?

Beijos!

Lu disse...

Jorge em Paris???? Com tanto bofe bonito nessa cidade... aff!!!
Fofa, aproveitando que vc está aí, posso fazer uma encomenda?
anote aí:
perfume In Love Again - Yves Saint Laurent.
Please, quérida! É que não acho aqui no Brasil e só vou poder ir pra Peris no ano que vem. Não vivo sem esse perfume...
Aproveite bem a cidade das luzes!
Bjus!

Antonoly disse...

Bacana isso, Paris, quem sabe um dia também não venho a conhecer a cidade luz?
Beijos!

www.ooohay.wordpress.com